5 benefícios da padronização da produção

Padronização é uniformizar uma produção ou um processo, ou seja, adotar um método para deixar a produção ou o processo submetido a um determinado modelo. A padronização é usada principalmente para aumentar a produtividade, assim como, desenvolver a qualidade de um determinado produto. Assim, o produto chega ao mercado atendendo suas expectativas de forma simples e com um menor custo de produção.

Quando falamos em realizar uma padronização num determinado processo ou numa determinada produção, não significa que estaremos submetendo este a um aspecto rígido e monótono. Muito pelo contrário, a padronização irá ordenar as etapas a serem seguidas de forma que possam ser flexíveis e sejam alteradas de acordo com a criatividade em determinadas situações.

Ao aplicar a padronização, o dono da empresa é o grande responsável por ela, no entanto, é necessário que todos os envolvidos se esforcem em suas funções, já que para a sua aplicação é necessário treinamento e dedicação dos mesmos. Depois que a padronização é cultivada, seus resultados são visíveis tanto em quantidade quanto em qualidade.

 

Após entender um pouco melhor sobre a padronização poderemos falar sobre os seus benefícios na produção, 5 deles são:

  1. Obter controle sobre os processos da produção

Quando aplicar a padronização na empresa, os processos estarão melhor definidos uma vez que serão destrinchados e documentados e estarão, também, sobre a responsabilidade daqueles que operam na produção. Tendo consciência dessa responsabilidade, o operador terá maior controle sobre a etapa em questão e, consequentemente, terá maior controle sobre a qualidade e o tempo da produção.

  • A gerência tendo mais controle sobre a produção, resultará em uma maior quantidade de tempo para que ela possa cuidar de outros afazeres da empresa.
  • Terá maior facilidade em encontrar falhas no processo de produção devido ao controle sobre os processos.

  1. Desenvolvimento da qualidade do produto

Clientes insatisfeitos não compram os seus produtos e nem indicam a sua empresa, seja pela experiência a eles proporcionadas devido a existência de defeitos no produto ou porque não foram bem atendidos anteriormente. E é possível melhorar esses pontos.

  • Desenvolver as etapas de produção uma vez que elas estarão melhores definidas através da padronização.
  • Com facilidade de encontrar falhas, a empresa poderá, rapidamente, corrigi-las.

  1. Aumento da produtividade

Através da padronização da produção, o funcionário será capacitado, assim, ele estará bem treinado e fará uso dos recursos corretamente, fazendo com que a produção ocorra em excelentes condições. Esse aumento da produtividade será, também, consequência da obtenção do controle da produção, pois os operadores poderão reduzir o tempo e aperfeiçoar as técnicas de cada etapa da produção.

  • Redução do tempo gasto com cada etapa devido ao controle.
  • Capacidade de prever falhas na produção e organiza-las com maior velocidade.

  1. Redução de custos

A redução dos custos da produção é uma consequência direta da padronização da produção. Como as etapas de produção seguirão os mesmos parâmetros, a utilização dos recursos será potencializada, assim, a gerencia poderá diminuir o custo dos produtos, atraindo ainda mais clientes, e aumentar a lucratividade.

  • Menor perda de material utilizado.
  • Com a facilidade de prever e encontrar falhas, será mais rápido para diagnostica-las e soluciona-las, ocasionando numa redução de custos operacionais.

  1. Beneficia a operacionalização da produção

Após o uso da padronização, os processos serão bem definidos, assim, a equipe poderá investir tempo e energia no aperfeiçoamento das técnicas. E assim que eles forem definidos, será mais simples e fácil de desenvolver as habilidades necessários para realizar as tarefas e executa-las seguindo o modelo estabelecido para a produção em cada indivíduo envolvido na mesma.

  • Assim a empresa poderá contar com profissionais mais capacitados nos processos de produção.
  • Haverá, também, mais segurança no trabalho, pois, com a padronização, serão definidas metodologias que ficarão conhecidas por todos, assim, será possível evitar um número de acidentes e falhas. Consequentemente haverá uma menor quantidade de perdas humanas, judiciais e financeiras no planejamento.

Como aplicar a padronização:

Para poder colocar a padronização em prática é necessário realizar um estudo prévio da situação encontrada na empresa, assim como os objetivos que ele tem.

Então, antes de aplica-la na sua empresa, é necessário:

  • Realizar um mapeamento, afim de identificar os processos da produção, e as rotinas internas dos setores internos. Ou seja, é preciso diagnosticar a empresa para encontrar uma maneira de padronizar os processos.

Quanto a equipe:

Para iniciar a padronização é necessário preparar a equipe adequadamente para que ela esteja aberta para aceitar um novo padrão de trabalho. E para isso, pode ser necessário a aplicação de reuniões com a equipe para que ela compreenda a situação e entenda o porquê da alteração do padrão de trabalho dentro da empresa.

  • Uma boa forma de preparar a equipe é através de treinamentos. Assim, ela poderá ficar por dentro dos novos critérios e tenha o conhecimento do funcionamento da padronização da produção.
  • Também poderá ser necessário a divisão da equipe em áreas de atuação, facilitando o processo de aprendizagem.

Acompanhe o desenvolvimento da equipe!

Será importante acompanhar o desenvolvimento de todos envolvidos na produção no caso de encontrar um gargalo no meio da produção. E uma boa forma de acompanhar isso é tendo um gerente de operações na produção para que ele possa auxiliar nos processos e no engajamento da equipe, pois uma equipe mais engajada, trará melhores resultados. Depois é só acompanhar os resultados positivos tragos pela padronização.